Blog do Chef

Gastronomia envolve história, costume de cada povo e confraternização à mesa com as pessoas que amamos.

Aqui no blog traremos semanalmente uma informação diferente sobre este universo.

9 jan, 2017

Como organizar uma degustação de vinhos

postado por - Alex Souza

A melhor maneira de conhecer e se aprofundar no mundo dos vinhos é provando. Veja algumas possibilidades de aprender mais sobre o tema e chame os amigos pra praticar esse exercício didático e muito prazeroso. Como a riqueza de sabores e aromas dessa bebida é enorme, a aventura promete boas surpresas sensoriais.

O primeiro passo é preparar o ambiente:
– escolha taças transparentes, de preferência de cristal
– o local precisa ser livre de odores, com boa iluminação e temperatura agradável
– o fundo deve ser branco para observar a cor do vinho, podendo ser a própria mesa, a toalha, uma folha de papel ou um guardanapo

Dicas para não errar:
– para evitar a influência da reputação do vinho, tente realizar as provas às cegas
– não compare vinhos de estilos marcadamente diferentes. Por exemplo, um vinho da região francesa de Bordeaux e outro da Borgonha

Tipos de degustação

1. Vertical: mesmo vinho, obviamente de um único produtor, mas com safras diferentes. Pode ser qualquer tipo de vinho e quantas safras você quiser. Muito interessante para compreender a evolução do vinho na garrafa, com o passar dos anos, a influência do terroir e das características climáticas do ano daquela safra.

2. Horizontal: vinhos diferentes, de uma mesma safra, estilo ou nível, mas de produtores diferentes. Para esse formato, abre-se uma grande variedade de possibilidades didáticas.
* Mesma região, mesma safra, estilo ou nível: serve para fixar as características do estilo sob a influência do terroir local.
* Mesma uva e região, mesma safra, estilo ou nível: mostra a expressão da variedade de uva sob a influência do terroir da região.
* Regiões diferentes, mesma uva, mesma safra, estilo ou nível: tem a função de demonstrar as diferenças de expressão de uma mesma uva sob a influência de terroirs diferentes.

Agora é só aproveitar! E não se esqueça de contar para a gente como foi…

 

setas-png

Inscrição no blog

Deixe um comentário